Logo

    0
Vera-Cidade Fero-Cidade Fuga-Cidade

Vera-Cidade Fero-Cidade Fuga-Cidade

Código: 9786586526882
R$ 39,90Fora de estoque
Compartilhe:

Descrição Saiba mais informações

Sete novas vozes enunciam-se neste Vera-cidade, fero-cidade, fuga-cidade. O título, aliás, explicita o elo e o eco da palavra: Curitiba-mundo. Os poemas, frutos das oficinas de escrita criativa do grupo Entreprosas, ministradas em 2019 por Alexander Brasil, Clarissa Comin, Jussara Salazar, Marcelo Bourscheid, Ricardo Pozzo e Otto Leopoldo Winck, compõe um mosaico curioso e dissonante, cujo resultado é a diversidade. Temáticas variadas permeiam os versos, tais como: o cotidiano, o amor e a epifania. Mas não só: o contemporâneo lateja, a violência urge, o sangue mancha as páginas. Não há dúvidas: o grito e o silêncio são políticos. Parte por parte, poeta por poeta, é possível vislumbrar os percalços, angústias, desejos e anseios que levam ao gesto inicial, à pulsão da dura escritura. Vistos deste ângulo, os poemas possuem uma unidade e densidade particular. Seja como for, lê-los é passear pelo melhor de uma escritura promissora, pronta para alçar voo. Mas não se engane: escrever dói. Talento? Inspiração? Ofensa. Se, por um lado, é questionável o “ensino” da escrita literária; por outro, as oficinas expõem o caráter artesanal e laboral do ato. Escrever é lapidar. Secar o suor e as lágrimas com a pele esfolada, em carne viva. Ecoando Antoine Compagnon, nunca é demais perguntar: literatura para que? Ou, ainda: poesia para que(m)? Para olhar de dentro para fora, de fora para dentro e, de novo, repetir o movimento: incessante, porque humano. Daí o olhar-poeta ter, sempre, um quê de poético e de caótico: para o bem e para o mal, escrever é adentrar a humanidade de si e do outro. Também não é demais parafrasear o já tão parafraseado Antonio Candido, em seu ensaio O Direito à Literatura: a literatura confirma a gente na nossa humanidade. E essa é apenas uma das razões para a sua irrevogabilidade enquanto direito humano incompressível. Entre prosas e versos, a literatura (r)existe. Ainda bem. Ao projeto Entreprosas, por sua fundamental ação fomentadora e difusora do incentivo à escrita literária e à literatura: vida longa, evoé!
AcabamentoBrochura
Páginas80
Data de publicação2021-04-08
Formato13x17
Lombada1
Altura1
Largura13
Comprimento17

Relacionados Veja também esses produtos